Prática Regular vs Prática Ocasional

A prática de Exercício Físico, seja ela feita em casa ou no ginásio trará diversos benefícios para a nossa saúde, melhorando o bom funcionamento do organismo, aumentando o sistema imunitário entre outras razões fundamentais.

Contudo, os benefícios só serão reais quando levamos a sua prática de forma regular e semanal, para criarmos um hábito saudável. Mais do que um hobby, o exercício físico deve ser uma rotina diária como a alimentação, beber água e escovarmos os dentes.

 

A principal diferença entre a prática comum e a prática ocasional, está no processo de adaptação do nosso corpo, depois de iniciar uma atividade física, podendo desta forma prejudicá-lo.  Quando damos por nós a realizar exercício físico, ele passa a fazer parte das nossas rotinas diárias, seja ele feito em casa ou num ginásio (o importante é ser feito), seja ele feito de manhã ou à noite, depois de um longo dia de trabalho. Com isto o nosso corpo tende a adaptar-se ao esforço exercido trazendo com ele todos os benefícios, anteriormente falados, não podendo dizer o mesmo à prática ocasional, sendo que com este tipo de prática, o corpo tende a sofrer mais com dores, com possíveis inflamações ou até mesmo com lesões, pois o nosso corpo estranha essa mesma movimentação “inexistente”. Daí ser tão importante a prática regular.

 

Vamos mudar “ERA UMA VEZ para “É DESTA VEZ”!

 

Vários estudos (Mota, 2010; Silva, et al, 2010), revelam que para se ter uma melhor qualidade de vida é preciso conhecer a importância do exercício físico regular e os seus benefícios. O Exercício Físico regular é aliado no combate ao sedentarismo e aos seus malefícios, sendo que o sedentarismo é a consequência da inatividade física e um dos principais fatores para o desenvolvimento ou agravamento de doenças coronárias e alterações cardiovasculares e metabólicas.

 

O exercício Físico é compreendido como todo e qualquer movimento corporal que resulta num gasto energético acima dos níveis de repouso, logo qualquer atividade física no trabalho, em lazer e nas demais atividades que realizamos no nosso dia-a-dia são apontadas como aliadas quando nos referimos à manutenção corporal e à prevenção de doenças crónicas degenerativas. O exercício físico é visto também como componente multidimensional em que inclui intensidade, duração e frequência do movimento. Ao passo que aptidão física tem sido definida como atributo biológico relativo à capacidade de realizar um movimento específico, mas necessitando de orientações adequadas para que se obtenha resultados significativos, dado como a prática e eficácia do movimento, prática para direcionada para área desportiva

Logo tanto o exercício físico como a aptidão física promoverão resultados significativos tanto na prevenção como na manutenção da saúde.

 

Para possuirmos uma boa qualidade de vida, uma boa saúde e aumentarmos a nossa longevidade um dos fatores fundamentais é a prática regular do exercício físico que para além de agirem na prevenção em doenças da ordem metabólica também ajudam no bem-estar e na autoestima, sendo esta prática fundamental para que se tenha um estilo de vida saudável e um estilo de vida ativo.

 

Benefícios:

 

  • Melhorar a Pressão arterial
  • Prevenir Doenças das Artérias Coronárias
  • Controlar o peso
  • Prevenir a Diabetes
  • Evitar Osteoporose
  • Melhorar a postura
  • Prevenir e melhorar dores crónicas nas costas
  • Melhorar a capacidade de lutar contra infeções
  • Prevenção de Cancro
  • Melhorar autoestima
  • Melhorar autoconfiança
  • Combater e evitar a ansiedade
  • Combater o stress
  • Prevenir e combater estado depressivo
  • Melhorar capacidades intelectuais
  • Promover a socialização
  • Melhorar o rendimento escolar
  • Aumentar a capacidade funcional para as tarefas da vida diária

“O nosso corpo é o reflexo do nosso estilo de vida”

ÚLTIMOS ARTIGOS